Por Luiz Carlos Nemetz

A Rede Globo amarga dias de dificuldade. Derrete a olhos vistos e passo a passo perde seu poder de comunicação e sua força econômica.

No Brasil isso não e novidade. Assis Chateaubriand Bandeira de Mello (O Chatô), já havia vivido a mesma experiência na segunda metade do século XX. E os Diários Associados não foi o único império a desmoronar com um castelo de cartas. A última Hora, o Jornal do Comércio, a Gazeta Mercantil, o Jornal do Brasil, a Manchete, a Tupi, o grupo Abril e RBS que o digam.

O poder e glória para sempre, não se coadunam com a absoluta dependência dos cofres públicos; nem com o descontrole ideológico das redações; nem mesmo com o aluguel das linhas editoriais ao mandatário da vez.

A Globo definha. Seus donos? Ah, os seus donos não estão nem ai. Esquartejados por herdeiros de Roberto Marinho (o maior malando que a imprensa brasileira já conheceu) o grupo teve os cofres raspados para retiradas polpudas aos acionistas à título de “distribuição de resultado”. A globo está encalacrada em dívidas. Perde a cada dia a audiência e por consequência a receita advinda de publicidade.

Seus erros editoriais estão custando caro. Obrigada a apertar os cintos, se vê na iminência de perder seus melhores talentos. Já não se renova e não agrada com os modelos de programas que cansaram o público.

Do esporte, ao jornalismo. Do Domingão do Faustão ao Fantástico e às novelas. Sempre a mesma coisa. Um andar em círculos que causa enjoos. Acusa a concorrência acirrada das mídias sociais e de novas estruturas de entretenimento, com os portais de notícias e o NETFLIX.

Suas afiliadas em todo o Brasil, que compunha a maior estrutura de monopólio da informação do planeta, já perceberam o despencar do negócio. A Globo já não tem importância, já não dita a cultura e nem influencia mais o comportamento. A Globo já era! Ficou velha está caindo de madura. A “ Vênus Platinada” enferrujou.

Foi uma máquina. Estrela de primeira grandeza. Caminha para se tornar lamparina de pescador de manjubas.

O golpe de misericórdia virá daqui a alguns dias, com os novos governantes (Federal e estaduais). Vai pagar o preço das opções erradas dos seus dirigentes, que não perceberam que os brasileiros querem mudança e fizeram as coisas acontecer, atropelamento a arrogância do leão que se achava invencível e de repente se viu sem dentes e com rugido que já não põe medo nem assusta mais ninguém.

Hoje, é um novo dia, de um novo tempo. É só querer, todos nossos sonhos serão verdades!

Fonte: Jornal da Cidade Online

2 COMENTÁRIOS

  1. Excelente matéria! Parabéns a quem escreveu, amei cada palavra! Tem que acredita que a vida não gira,não muda! Se acham invencíveis!! A globo dançou kkk

  2. Meteria propicia pro momento parabéns, que continue com essa linha editorial, o gigante adormecido acordou o Brasil é dos brasileiros de bem é do bem vamos reconduzir os rumos da pátria amada com quem deseja dias melhores para as gerações futuras com trabalho, honra, dignidade e caráter pra formamos novas lideranças, que respeite no mínimo a vontade de que quer viver em paz pra si sua família e amigos. Parabéns pela matéria.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here