Jean Wyllys

Surgiu uma denúncia contra o deputado federal Jean Wyllys (PSOL), além dele está devendo para a deputada Bia Kicis, decidiu renunciar ao mandato e sair do Brasil sem pagar a deputada, agora apareceu a possível ligação dele com Adélio Bispo, o homem que deu uma facada no presidente Jair Bolsonaro, na época candidato à presidência.

Veja vídeo:

A Jornalista e ex-repórter e Youtube Regina Vilella fez um vídeo de 40 minutos mostrando as possíveis provas que coloca Jean Wyllys como o principal mandante da tentativa de assassinato ao presidente Jair Bolsonaro. De acordo com a ex-repórter Regina Vilella, que foi candidata a Deputada Federal no Ceará pelo PSL na última eleição, essa é uma hipótese que explica muito bem o porquê dessa fuga repentina de Jean Wyllys.

Teria sido Jean Willys a pessoa que pagou advogados para Adélio Bispo de Oliveira, o homem que tentou assassinar Jair Messias Bolsonaro na campanha eleitoral de 2018? Adélio tinha um documento seu dando entrada na Câmara dos Deputados, no Congresso Nacional no exato momento em que cometia a tentativa de assassinato a Jair Bolsonaro.

Qual gabinete ele iria visitar? Ele já tinha o hábito de frequentar algum em especial ou com mais freqüência? Quem estaria lhe dando lastro neste sentido? Vamos aguardar o resultado das investigações para confirmar ou a hipótese de mandante, de mentor intelectual do crime contra Bolsonaro, ou, que haja algum crime de corrupção que tenha obrigado o Deputado do PSOL a renunciar de seu mandato, para evitar alguma prisão em flagrante por parte da Polícia Federal nos próximos dias, uma vez que não mais terá foro privilegiado neste mandato.

Fonte: Observatório Noticiais /  https://www.focoelho.com/2019/01/jean-wyllys-e-o-principal-mandante-da.html?m=1

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here