32.5 C
Brasília
19/09/2021
InícioNotíciasBrasilDestino partidário de Presidente Jair Bolsonaro pode ser o PTB

Destino partidário de Presidente Jair Bolsonaro pode ser o PTB

Quando Michel Temer entrou no jato da FAB que o levaria a Brasília, para reunião com Jair Bolsonaro, ouviu a saudação: “Que bom rever o senhor, presidente!” Funcionários de todos os níveis no Planalto e pilotos da FAB consideram Temer um dos presidentes mais cordiais de sempre.

Em meio às confusões políticas, o Presidente Jair Bolsonaro tornou secundária a definição do seu futuro partidário. Tentou fundar o Aliança pelo Brasil, retornar ao PP e quase seguiu para o Patriotas com o filho senador. Depois passou a considerar o PTB, sobretudo após receber a informação de que o ex-deputado Roberto Jefferson poderia ceder o comando petebista, incluindo a gestão dos fundos Eleitoral e Partidário.

O partido sou eu

Após passar por uma dezena de siglas, Bolsonaro adquiriu estatura política que recomenda presidir um partido para chamar de seu.

Instituto, nem pensar

Bolsonaro não quer nem ouvir falar em repetir ex-presidentes que criam institutos “para lavar dinheiro”, como dizem seus aliados.

PP à espera

Principal sigla do Centrão, o PP continua à espera da filiação do Presidente da República. Mas ele não teria o comando do partido.

Fazendo política

Amigos alegam que, após sair do governo, o presidente deve exercer sua liderança, ampliar número de filiados, articular, fazer política.

Sessão da Câmara dos Deputados, nesta quinta-feira (09) de setembro
Sessão da Câmara dos Deputados, nesta quinta-feira (09) de setembro

Gaveta da Câmara tem Impeachment há décadas

Partidos e parlamentares sem expressão e força política continuam com estratégia de usar o Judiciário para obrigar a análise de qualquer pedido de impeachment no Legislativo. Sabiamente, a Constituição não estipula prazo para análise pelo presidente da Câmara porque é um instrumento político e qualquer pessoa pode apresentar. Desde a promulgação da Constituição, foram 315 pedidos e apenas dois (0,6%) foram analisados.

Sem sentido

A média é de cerca de 10 pedidos ao ano. É como se a Câmara fosse obrigada a analisar um impeachment por mês, o que inviabilizaria o país.

Último recurso

Mesmo excluindo Jair Bolsonaro, restam 187 pedidos de Impeachment que nunca foram adiante por não haver necessidade da convulsão nacional.

Política e diálogo

Quando a política e o diálogo são exercidos de fato, Impeachment é raro, mas o radicalismo e o “ou vai ou racha” têm impedido soluções melhores.

Um presidente cordial

Quando Michel Temer entrou no jato da FAB que o levaria a Brasília, para reunião com Jair Bolsonaro, ouviu a saudação: “Que bom rever o senhor, presidente!” Funcionários de todos os níveis no Planalto e pilotos da FAB consideram Temer um dos presidentes mais cordiais de sempre.

Conjunto de fatores

Além do varejo, a indústria também apresentou sinais de melhora nas últimas semanas. Para o senador Wellington Fagundes (PL/MT), isso é resultado da vacinação aliada ao Pronampe e ao auxílio-emergencial.

Salve, Costa Porto

Permanece atualíssimo o historiador e jurista pernambucano José da Costa Porto, constituinte de 1946, sobre a atitude ridícula e trágica dos poderosos. “Entregue-se a qualquer um desses improvisados caciques a menor parcela de força, e eles se julgam acima de críticas e censuras…”

Evento conservador

O ex-chanceler Ernesto Araúo, que anda sumido, reaparecerá publicamente no próximo dia 25, em Florianópolis no congresso da Coalizão Conservadora. Falará sobre “O Preço da Liberdade”.

Memorial JK, 40

O governador do DF, Ibaneis Rocha (MDB), e o Presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM/MG), estarão na festa dos 40 anos do Memorial JK e o 119° aniversário de Juscelino Kubitschek, neste domingo (12).

Muita calma nesta hora

A surpreendente carta de Jair Bolsonaro foi uma ducha de água fria nos seus opositores, excitados com o Impeachment. O ex-presidente da Câmara Rodrigo Maia quase teve um troço, tentando desqualificar a iniciativa.

Além do ridículo

A mais recente lição de moral sucesso na rede social TikTok é os pais não chamarem as filhas de “princesa”. “Em vez disso”, sugere uma usuária do aplicativo, “chame sua filha de cientista ou engenheira”.

Só um susto

Um navio com 43 mil toneladas de carga encalhou no Canal de Suez, mas foi rapidamente “reflutuado”. O susto fez todos lembrarem do navio Even Given, que bloqueou a passagem por uma semana em março e provocou prejuízos logísticos ao comércio de até US$10 bilhões por dia.

Pensando bem

…Michel Temer transitou de “golpista” a herói em pouco mais de dois anos.

Fonte: Diário do Poder

Redaçãohttps://bloginformandoedetonando.com.br/
Mandando bala na notícia, informando e detonando de uma forma que você nunca viu! Obrigado por acessar nosso blog!

Comentários

- PUBLICIDADE -

Últimas Notícias

- PUBLICIDADE -