10.5 C
Brasília
17/06/2024
InícioNotíciasBrasilVisita da “Dama do tráfico Amazonense” aumenta pressão para queda de Flávio...

Visita da “Dama do tráfico Amazonense” aumenta pressão para queda de Flávio Dino

Esta proposta conta com o apoio de parlamentares da oposição ao governo Lula na Câmara dos Deputados.

O deputado federal Amom Mandel (Cidadania/AM) apresentou um requerimento para a criação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) com o objetivo de investigar possíveis conexões entre servidores de alto escalão do Ministério da Justiça e membros de facções criminosas, como o Comando Vermelho.

O Ministro da Justiça, Flávio Dino, se encontra no centro da mais recente crise do governo Lula, após a divulgação, pelo Estadão, de que Luciane Barbosa, esposa de Clemilson dos Santos Farias, conhecido como Tio Patinhas, líder do Comando Vermelho (CV) no Amazonas, visitou servidores do ministério.

Flávio Dino

Luciane esteve no edifício do ministério em duas ocasiões, em 19 de março, para encontros com Elias Vaz, secretário de Assuntos Legislativos do Ministério da Justiça, e em 2 de maio, quando se reuniu com Rafael Velasco Brandani, titular da Secretaria Nacional de Políticas Penais.

Amom Mandel justificou o pedido de CPI afirmando que é necessário realizar uma investigação minuciosa diante dos acontecimentos apresentados. Ele destacou que “qualquer indício de colaboração ou conluio entre autoridades do ministério, detentores de cargos políticos e organizações criminosas representa uma ameaça direta à segurança pública, ao Estado de Direito e à confiança da população nos órgãos governamentais e detentores de cargos políticos encarregados de fiscalizar o Poder Executivo”.

Fonte: Agência Brasil

Redação
Redaçãohttps://bloginformandoedetonando.com.br/
A diferença entre a política e a politicagem, a distância entre o governo e o ato de governar, o contraste entre o que eles dizem e o que você precisa saber, o paradoxo entre a promessa de luz e o superfaturamento do túnel. Tudo isso com a sua opinião na caixa de comentários. Obrigado por acessar o portal!

Comentários

- PUBLICIDADE -

Últimas Notícias

- PUBLICIDADE -