19.5 C
Brasília
08/08/2022
InícioColunas e BlogsGilson AraújoGilson Araújo 19234 (Podemos)  sua luta pelo Lago Sul a 3ª Ponte...

Gilson Araújo 19234 (Podemos)  sua luta pelo Lago Sul a 3ª Ponte e os Condomínios

Morador do Lago Sul, o deputado distrital Gilson Araújo tem se colocado a serviço da comunidade desde que assumiu o seu mandato na Câmara Legislativa em Janeiro de 1991, desenvolvendo ações diretas a través de Projetos de Lei, de indicação e de Moção, com visitas a realização de melhoramentos públicos solicitados pela população.

O deputado distrital Gilson Araújo apresentou, para beneficiar a população do Lago Sul, os seguintes projetos:

01 – Projeto de Lei de nº 015, que virou a Lei nº 187/1991 sancionada pelo Governador Joaquim Roriz, para construção da 3ª Ponte. (Leia o texto abaixo).

02 – Projeto de Indicação nº 072, aprovado em 19/09/1992 pela Câmara Legislativa, para a construção da uma Escola de Ensino Integral entre as QI’s 28 e 29, para atender a população das QD’s 24 a 29 e das regiões circunvizinhas (será solicitada a inclusão desta obra no orçamento do DF de 1994).

03 – Projeto de Indicação nº 075, aprovado em 17/03/1992, para a construção de um Centro Educacional entre QI’s 14 a 24 (Obra a ser incluída no orçamento do DF de 1994).

04 – Projeto de Indicação nº 079, aprovado em 10/02/1992, objetivando o deslocamento do terminal de ônibus da QI 27 para novo local, na entrada da Ermida Dom Bosco, nas proximidades das QI’s 28 e 29.

05 – Projeto de Indicação nº 080, aprovado pela Câmara Legislativa, com vistas a construção de pontos de ônibus nas QI’s 28 e 29 (Obra realizada).

06 – Projeto de Indicação nº 155, aprovado em 03/10/1992, para ajardinamento da faixa central da Ponte Costa e Silva.

07 – Projeto de Moção nº 581, em tramitação na Câmara Legislativa, para a instalação de semáforo no trevo de acesso a cidade satélite de São Sebastião, situado na QI 23.

08 – Projeto de Moção nº 583, em tramitação, para a construção de uma pista para pedestres entre as QI’s 27 e 29.

Benefícios conseguidos pelo Deputado Gilson Araújo diretamente no GDF, sem a necessidade de apresentação de Projeto na Câmara Legislativa:

  • O parlamentar lutou intensamente pela implantação da Administração Regional do Lago Sul, inclusive sendo relator do Projeto, com esse objetivo, aprovado em regime de urgência.
  • O deputado conseguiu a implantação da linha de ônibus 125 (Rodoviária – QI 29).
  • Conseguiu a iluminação de uma rua na QI 29. Beneficiando os conjuntos 09 a 16.

Emendas do deputado distrital Gilson Araújo destinando verbas do orçamento 1994 para Obras no Lago Sul:

  • CR$ 22.500.000,00 (Cruzeiro real) para construção do Polo de Cultura e Lazer.
  • CR$ 150.000.000,00 (Cruzeiro real) para melhoria da Rede de Captação de Águas Pluviais.
  • CR$ 37.500.000,00 (Cruzeiro real) destinados a manutenção da Rede de Captação de Águas Pluviais.
  • CR$ 37.500.000,00 (Cruzeiro real) para implantação de Postos Policiais.
3ª Ponte em construção! Lei 187/91 de Gilson Araújo
3ª Ponte em construção! Lei 187/91 de Gilson Araújo

A 3ª Ponte passo a passo

Decorrente do Projeto de Lei nº 015, que se transformou na Lei 187/91 sancionada pelo Governador Roriz, atendendo a pleito da comunidade. A construção da 3ª Ponte do Lago Sul recebendo recursos nos orçamentos do DF relativos anos de 1992 / 1993 / 1994. Com essas verbas foram realizados o estudo de viabilidade econômica (custo / benefício da obra) pela Universidade de Brasília. O Estudo de Impacto Ambiental (EIA), o relatório de Impacto sobre o meio Ambiente e a Audiência Pública do RIMA. Agora falta a ação política de licitação para a construção da 3ª Ponte que, por sua vez, depende da definição de uma fonte de recursos financeiros da Obra.

Há duas propostas de fontes financeiras para a 3ª Ponte em discussão: Cobrança de pedágio pelo uso após a construção (parceria governo / iniciativa privada) e a venda de terrenos, pela Terracap, em Águas Claras por valores equivalentes ao custo da Obra.

As pontes Costa e Silva e Presidente Médici (também conhecida como Ponte das Garças) estão excessivamente congestionadas, com constantes engarrafamentos e acidentes de trânsito. Para solucionar esse tipo de problema é que luto pela construção da 3ª Ponte.

Acredito que o início da construção da 3ª Ponte está mais na dependência da luta comunitária, do que propriamente nos órgãos de Governo. Isto porque, sendo uma obra de valor elevado e devido à escassez de verbas, urge uma vontade política em todo Governo, legitimada por cada morador do Lago Sul, via mobilização, diante da prioridade um que representa esta obra. Telegramas, cartas, entrevistas nos meios de comunicação, dirigidas ao Governo, são ações decisivas.

Foi assim que, em 1983, comecei a mobilizar a comunidade, visando à fixação do Paranoá. Foi assim que lutei pela Agrovila São Sebastião, desde 1988. Foi assim que conseguimos centenas de obras para o Paranoá e São Sebastião, que hoje são prosperas cidades satélites.

Este assunto tem sido discutido junto aos moradores de todas as comunidades que serão beneficiadas pela 3ª Ponte, contanto sempre com o apoio da Prefeitura do Lago Sul (Dicran), Administração Regional (Moura), Associação Dom Bosco (Jonas), e prefeituras de quadras. Está obra é coletiva, suprapartidária e necessária. A participação de todos é fundamental para que o Governador Joaquim Roriz possa decidir pela venda de terrenos em Águas Claras que viabilize economicamente a construção da 3ª Ponte.

Quem fez faz e faz melhor! Gilson Araújo

Redaçãohttps://bloginformandoedetonando.com.br/
Mandando bala na notícia, informando e detonando de uma forma que você nunca viu! Obrigado por acessar nosso blog!

Comentários

- PUBLICIDADE -

Últimas Notícias

- PUBLICIDADE -