26.5 C
Brasília
28/02/2024
InícioNotíciasDestaquesProposta de Reforma Tributária gera preocupações em Goiás

Proposta de Reforma Tributária gera preocupações em Goiás

Governador alerta para possíveis prejuízos econômicos e perda de incentivos fiscais no estado.

O Projeto de Lei da Reforma Tributária, atualmente em discussão no Congresso Nacional, desperta preocupações em relação aos possíveis impactos para o estado de Goiás. A proposta, que deve ser enviada para votação na Câmara dos Deputados em breve, visa simplificar o sistema tributário, substituindo cinco impostos por um único Imposto sobre Bens e Serviços (IBS) e criando o Imposto Seletivo Federal para desestimular o consumo de determinados produtos.

No entanto, o governador Ronaldo Caiado expressou sua insatisfação com o modelo proposto, alegando que Goiás seria prejudicado pela concentração de recursos na União e pela posterior distribuição com base no consumo. Ele destacou o crescimento acima da média nacional do estado, que registrou um crescimento de 6,6% no ano passado, em comparação com os 2,9% do Brasil como um todo. Caiado ressaltou os avanços de infraestrutura, logística e investimentos em curso em Goiás, afirmando que o estado está em um momento de crescimento significativo.

Além disso, há preocupações sobre a possível perda de incentivos fiscais para a indústria e agropecuária em Goiás. O governador relatou ter recebido telefonemas de empresários que tinham projetos de instalação no estado prontos, mas que suspenderam as obras devido à incerteza em relação à situação fiscal futura. Essa incerteza pode impactar negativamente o desenvolvimento econômico de Goiás e atração de investimentos.

Diante dessas preocupações, Caiado alertou para os potenciais prejuízos para o estado caso a proposta seja aprovada sem as devidas adequações. Ele defende uma análise mais aprofundada das especificidades de Goiás e sugere a busca por soluções que considerem o crescimento diferenciado e as necessidades locais. O governador planeja apresentar suas preocupações aos parlamentares e atuar para que sejam feitas as modificações necessárias na proposta de reforma tributária.

A discussão em torno da Reforma Tributária continua acalorada, com diversos atores envolvidos expressando suas opiniões e preocupações. Enquanto o objetivo de simplificar o sistema tributário é louvável, é fundamental considerar os impactos específicos que a proposta pode ter em cada estado e setor da economia. A busca por um modelo justo e equilibrado deve ser prioridade, a fim de promover o desenvolvimento econômico de todas as regiões do país.

Fonte: Secom Goiás

Redação
Redaçãohttps://bloginformandoedetonando.com.br/
A diferença entre a política e a politicagem, a distância entre o governo e o ato de governar, o contraste entre o que eles dizem e o que você precisa saber, o paradoxo entre a promessa de luz e o superfaturamento do túnel. Tudo isso com a sua opinião na caixa de comentários. Obrigado por acessar o portal!

Comentários

- PUBLICIDADE -

Últimas Notícias

- PUBLICIDADE -