11.5 C
Brasília
29/05/2022
InícioNotíciasDestaquesIbaneis diz que irá manter auxílio financeiro a famílias de baixa renda...

Ibaneis diz que irá manter auxílio financeiro a famílias de baixa renda independente das mudanças no Bolsa Família

Para ser uma beneficiária do DF Sem Miséria as famílias precisam residir no DF e ter renda per capita inferior a R$ 140. É preciso, ainda, estar inscritas no Cadastro Único.

Por Cláudio Ulhoa

O Governador anunciou que está sendo preparado um programa de suplementação de renda para substituir o DF Sem Miséria

O governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (MDB), escreveu em suas redes sociais que está sendo preparado um novo programa de auxílio financeiro a famílias de baixa renda para substituir o DF Sem Miséria que será extinto com o fim da Bolsa Família. Segundo o governador, um projeto será enviado à Câmara Legislativa, nos próximos dias, criando esse novo programa.

O DF Sem Miséria atende atualmente cerca de 190 mil famílias, que por sua vez também são cadastradas no Cadastro Único (CadÚnico) e assim participam do Bolsa Família que passará agora  a se chamar Auxílio Brasil. As famílias cadastradas no DF Sem Miséria, que hoje recebem entre R$ 20 e R$ 960, em torno de 73,1 mil pessoas passarão para o novo programa.

“No DF, mais de 70 mil famílias foram atingidas por essa medida e nós vamos amparar todas elas. Tenho certeza de que a CLDF vai votar e aprovar o projeto com celeridade”, disse o governador, na noite desta segunda-feira (29).

Para ser uma beneficiária do DF Sem Miséria as famílias precisam residir no DF e ter renda per capita inferior a R$ 140. É preciso, ainda, estar inscritas no Cadastro Único.

Pela justificativa do governador Ibaneis, a intenção do governo com a medida é fazer com que as pessoas não fiquem desassistidas após as mudanças que o governo federal deverá fazer no próximo período na Bolsa Família que passará a se chamar Auxílio Brasil.

“Nossa gestão continua comprometida com as famílias mais vulneráveis. Continuamos ampliando nossa rede de assistência social: mais de 700 mil pessoas já receberam ajuda do GDF em programas como Prato Cheio, Pão e Leite, Cartão Gás e outros”, garantiu o governador.

Fonte: Cláudio Ulhoa é Jornalista e membro da Associação Brasileira de Portais de Notícias – ABBP

Redaçãohttps://bloginformandoedetonando.com.br/
Mandando bala na notícia, informando e detonando de uma forma que você nunca viu! Obrigado por acessar nosso blog!

Comentários

- PUBLICIDADE -

Últimas Notícias

- PUBLICIDADE -