21.1 C
Brasília
01/03/2021
Início Notícias Distrito Federal Saúde integra grupo intersetorial para reduzir índice de gravidez na adolescência

Saúde integra grupo intersetorial para reduzir índice de gravidez na adolescência

Meta é diminuir em 50% o número de casos até 2023

A Secretaria de Saúde, junto a outros órgãos do Governo do Distrito Federal, integrou um grupo temático intersetorial para formular estratégias de prevenção a casos de gravidez na adolescência, com ações voltadas a esse público. A meta é reduzir os índices em 50% até 2023 no DF. A iniciativa marcou, nesta terça-feira (4), o início das atividades da Semana Nacional de Prevenção da Gravidez na Adolescência, que tem como tema Educar para Prevenir.

Apesar do Distrito Federal ser uma das unidades federativas com um dos menores índices do país em gravidez na infância e na adolescência, ainda registra uma taxa de aproximadamente 12%. A média é de 12 bebês nascidos, por dia, que são filhos de mães adolescentes.

Moema Campos
Moema Campos

“A meta é desafiadora, mas estamos dispostas a fazer o possível para cumpri-la e reduzir essa taxa de 12% para 6% até 2023. Para isso, contamos com uma rede de atenção à saúde organizada com as unidades básicas de saúde (UBS). A grávida adolescente pode ser atendida na Atenção Primária. A ideia é que esteja vinculada ao médico de família em uma UBS próxima de sua casa”, informou a subsecretaria de Atenção Integral à Saúde, Moema Campos.

A gestora apontou outras unidades de saúde voltadas ao atendimento e acompanhamento desse público, como o Adolescentro e os ambulatórios em Taguatinga e Gama, e assinou o termo de compromisso para criação do grupo intersetorial.

Também fizeram parte da solenidade representantes das pastas da Justiça e Cidadania, Mulher, Juventude e Educação, além da Defensoria Pública do DF. O grupo se comprometeu, ainda, a promover um calendário de ações continuadas e direcionadas preferencialmente ao público adolescente, sempre em consonância com a sociedade civil.

“A grande meta desse grupo, além de alcançar a redução de 50%, é conseguir construir multiplicadores. Isso é a maior representação de união de forças, para que eles sigam em frente e modifique realidades”, comentou a subsecretária de Políticas para Criança e Adolescente da Secretaria de Justiça e Cidadania (SEJUS), Adriana Faria.

A ação, promovida pela SEJUS, reuniu ainda conselheiros, estudantes e a comunidade em geral. Contou com a apresentação de um coral infantil e do documentário Gravidez na Adolescência, com relatos de jovens pais. O objetivo foi informar sobre medidas preventivas e educativas que contribuam para a redução da incidência da gravidez na adolescência.

SEMANA – Instituída pela Lei nº 13.798/19, a Semana Nacional de Prevenção da Gravidez na Adolescência é celebrada anualmente no período que inclui o dia 1º de fevereiro. A data, que conta com campanha de conscientização, tem o objetivo de disseminar informações sobre medidas preventivas e educativas.​

Acesse outras notícias da Secretaria de Saúde clicando aqui.

Acesse a galeria de fotos da Saúde clicando aqui.

Para mais informações ou pedido de entrevista, envie um e-mail para [email protected]

Fonte: Assessoria de Comunicação da Secretaria de Saúde / (61) 2017 1111

Redação
Redaçãohttps://bloginformandoedetonando.com.br/
Mandando bala na notícia, informando e detonando de uma forma que você nunca viu! Obrigado por acessar nosso blog!

Comentários

- PUBLICIDADE -

Últimas Notícias