24.5 C
Brasília
27/05/2022
InícioPolíticaCLDFForças de segurança travam guerra no plenário da Câmara Legislativa

Forças de segurança travam guerra no plenário da Câmara Legislativa

“Não estou aqui para embarreirar projeto de nenhuma categoria, estou aqui para defender a minha corporação (a Polícia Militar do Distrito Federal)”, disse Hermeto, que se absteve e não votou favorável aos benefícios por entender que os policiais militares merecem o reconhecimento do governo. Hermeto luta para que a PMDF tenha um novo plano de carreira.

Por Sandro Gianelli

A aprovação de dois projetos de lei de autoria do Executivo em prol da Polícia Civil colocou deputados distritais em guerra, no Plenário da Câmara Legislativa, na terça-feira (15).

Pegou mal

A polêmica girou em torno do discurso feito pelo deputado distrital Sardinha (Avante). “Precisamos de equiparação com a Polícia Federal e não com a PM e o Bombeiro. Agora nós nos sentimos orgulhosos, toda a vez que a PM quer ser igual a Polícia Civil. Vai ter concurso aí, quem quiser passar para a Polícia Civil, se inscrevam no concurso. Vai apertar na banca para passar apenas policiais civis verdadeiros”, afirmou Sardinha.

Defesa da PM

Os deputados distritais Hermeto (MDB) e Guarda Jânio (PROS), ambos da polícia militar, discursaram em Plenário e cobraram ações semelhantes para a corporação.

Plano de carreira

“Não estou aqui para embarreirar projeto de nenhuma categoria, estou aqui para defender a minha corporação (a Polícia Militar do Distrito Federal)”, disse Hermeto, que se absteve e não votou favorável aos benefícios por entender que os policiais militares merecem o reconhecimento do governo. Hermeto luta para que a PMDF tenha um novo plano de carreira.

Retratação

O distrital Guarda Jânio afirmou que defendeu sempre o dialogo e a união entre as forças de segurança e solicitou que Sardinha se retratasse com a PM.

Discurso infeliz

A Associação dos Oficiais da Polícia Militar do Distrito Federal soltou uma Nota de Repúdio ao discurso do deputado distrital Sardinha. A nota diz que o discurso do parlamentar é ofensivo aos policiais militares.

Fonte: Conectado ao Poder

Redaçãohttps://bloginformandoedetonando.com.br/
Mandando bala na notícia, informando e detonando de uma forma que você nunca viu! Obrigado por acessar nosso blog!

Comentários

- PUBLICIDADE -

Últimas Notícias

- PUBLICIDADE -